sexta-feira, 29 de abril de 2011

Presidente do PP pinheirense nega que partido participará do atual governo

Nesta sexta-feira (29), o presidente do Partido Progressista de Pinheiro Machado, Ronaldo Madruga, enviou uma nota de esclarecimento ao blog, em relação a nomeação do Secretário da Indústria, Comércio e Turismo, Rogério Moura, o qual faz parte do partido.

A nota fala sobre uma possível participação do partido na atual administração, o que chegou a ser cogitado. A mesma segue abaixo, na íntegra:

"Na qualidade de Presidente do Partido Progressista o vereador Ronaldo Madruga, juntamente com a executiva do partido, vem esclarecer a comunidade Pinheirense que não fazem parte do governo atual, e tampouco, almejam cargos ou qualquer favorecimento. Acreditam firmemente na ideologia do Partido Progressista, que não vai ao encontro da administração atual. Se algum filiado assumiu algum cargo, foi uma decisão pessoal e isolada, que desconhecem.

Nossa política é clara, transparente, inovadora, progressista, que preconiza a igualdade social e o desenvolvimento da nossa nação, com ações pautadas em resultado e com sustentabilidade, cultivam as raízes do PP. Somos oposição, pelo princípio da moralidade e o maior partido do Estado do Rio Grande do Sul, e não proferimos discursos lacunosos, trabalhamos sempre com responsabilidade com que é público.

Estamos próximo de uma eleição, na qual será novamente decidida através do voto, o destino de nosso município. Estamos organizados para conscientizar a comunidade que é possível fazer política com resultados, franqueza, moralidade, impessoalidade, eficiência, economicidade e publicidade, pilares básicos de uma administração. Para finalizar, não estamos julgando ações, comportamentos e atitudes."

Ronaldo Madruga

25 comentários:

Anônimo disse...

É muito bom saber, que a decisão do Rogério Moura é particular, não votarei jamais nete.

Anônimo disse...

Acreditava que o Rogério fosse mais inteligente, subiu em um navio afundando, vai afundar junto...

O Meu voto nunca mais...

Anônimo disse...

Ótimo pronunciamento,alto nível...Fico orgulhosa eterno Presidente.

Progressista Ana

Anônimo disse...

A palavra que resume a atitude do Rogério Moura é VERGONHA!!!
O PT vai matar politicamente o último Moura que ainda poderia deslumbrar algo politicamente.
Alguns se vendem por tão pouco... Que infelicidade do Rogério, finado politico.
Parabéns PP pela nota.

Os Partidos PP, PDT, PSDB, PMDB E PTB devem unir-se para Pinheiro Machado voltar a ser um municipio administrado por pessoas sérias e comprometidas.

Anônimo disse...

Agora rentendi, pobre do Rogério, já caiu do cavalo antes de montar, nem parece bom gaucho.

Anônimo disse...

Pô Rogério, com essa tás frito. Não és nada inteligente.

Anônimo disse...

Votei no Rogério, mas com essa alinça não voto nunca mais nele.

Anônimo disse...

Foi bom o Rogério se juntar a eles, pensei q fosse diferente, até pensava em votar nele se fosse candidato novamente, mas agora já sei quem é, adeus voto.

Anônimo disse...

A Márcia trabalhou com essa gente, teve noção de quem são, como o Rogério se junta a eles?

Anônimo disse...

Rogérinho, Rogérinho, dinheiro não é tudo na vida, bobeou, dançou na maionese.

Anônimo disse...

O rogério só pensou no dinheiro imediato, não pensou no futuro, dançou.

Anônimo disse...

Respeito o Presidente do Partido Progressista Ronaldo Madruga, mas pelo visto ele perdeu a memória das últimas eleições, na qual se não fosse a enorme votação que teve o professor Rogério, o Sr Ronaldo não teria sido eleito ele só mostra com essa declaração a falta de companheirismo existente no seu partido falido e nem ao menos reconhece a sábia atitude do Rogério em participar desse governo sem medos e com vontade de trabalhar o que não é o caso daqueles do mesmo partido que só fazem um "papel" um "tipo" como o Sr. Ronaldo.
O Sr. pode não ter memória boa mas nós,o povo temos. E sabemos quais as intenções de tal pronunciamento.
Mais uma vez APARECER.
Um abraço e até as próximas eleições Sr. Ronaldo.

Anônimo disse...

Nota de esclarecimento?
Esse artigo deveria se chamar "meu ENORME EGO".
Não fiquei surpreso com a atitude do Ronaldinho (inho).
Pelo que entendi o professor Rogério deveria ter pedido autorização do tal "inho" para aceitar o cargo. Isso é no mínimo ridículo.
Ponto para o Rogério que aceitou fazer parte desse governo pensando em trabalhar pela sua cidade sem se preocupar com discursos falidos.
Rogério, por favor...repense seus companheiros Progressistas,o "inho" se elegeu graças a seus votos e agora enche o peito querendo respeito antes de agradecer ao parceiro que o ajudou.
Infelizmente essa é a política mostrando seus discursos.
Detesto isso tudo...

Anônimo disse...

Q vergonha, mas cada um sabe o q faz, um voto a menos.

Anônimo disse...

parabens Ronaldo pela tua declaraçao,só louco pra se juntar com este governo (titanic)

Anônimo disse...

ROGERIO MOURA , este é um voto a menos para se desperdiçar, como foram tantos. MEUS PESAMES em relação a POLÍTICA !!!

Anônimo disse...

Estou lendo os comentários referentes ao esclarecimento do Vereador e Presidente do Partido Progressista,Sr. Ronaldo Madruga e achei por bem escrever algo também. O nosso país não tem partidos fortes, os eleitores, na maioria votam na pessoa. As rixas acontecem e é normal, mas hoje nem se compara com o passado, quando havia partidarismo-esquerda e direita. Hoje o que se vê são coligações, que seriam incompatíveis a meu ver. Por exemplo, o PP a nível nacional apoiou Dilma, tanto que o Ministro das Cidades é do PP. No governo Yeda, o PP fazia parte, também parecia impossível, já que em nossa cidade, PP e PSDB, não casam. Isso acontece quando o partido A perde para o B, mas o tempo se encarrega de apagar as desavenças. A nível nacional, o PP, que não consegue se reerguer porque lembra a chamada "ditadura", apoiou o PT desde a era Lula - direita e esquerda. Se é para o bem do país, que bom! No passado, seria impossível.
Com relação ao escrito do vereador Ronaldo, me pareceu que ele quis apenas esclarecer a um anônimo, que teria insinuado que o PP estaria participando do governo. Só não entendi a frase do Presidente Ronaldo:"somos oposição pelo princípio da moralidade". O que significa moralidade, para o nobre Vereador? No governo Yeda o PP também teve nomes envolvidos em escândalos. E a moralidade do Partido? Aliás, acho que não se pode mais falar em moralidade dentro dos partidos, não escapa um! Com relação aos comentários dos anônimos, é até engraçado, pois o professor Rogério era um "deus", agora o coitado está no "inferno".Usarem termos como:"vergonha", "vendido" "OS OUTROS PARTIDOS SÃO FORMADOS POR PESSOAS SÉRIAS", "já caiu do cavalo"... O que é isso? Só porque o cara foi convidado e aceitou ele não é a mesma pessoa? Deixem ele trabalhar, isso ele sabe muito bem e se não der certo é só voltar para Pedras Altas, porque pelo que eu sei, ele continua professor no Hipólito. Um outro falou até em dinheiro! Que pobreza! Será mesmo que um professor pós-graduado em Matemática, trabalhando 40 horas(Estado e Município de Pedras Altas), precisa tanto de dinheiro a ponto de se vender? E para finalizar, concordo com o anônimo que lembrou bem, que se não fosse o professor Rogério, o Vereador Ronaldo não conseguiria uma cadeira na Câmara. Um abraço a todos e VIVA A DEMOCRACIA!

Ronaldo disse...

Para quem sabe ler e interpretar, o esclarecimento não se trata de julgar atitudes isoladas, e tão pouco falar do companheiro Rogério, o qual tenho tamanha admiração. Nosso partido não compactua, com as atitudes de um governo monarquista, o qual ai se apresenta. Sabemos a direção que devemos seguir, e a população que nos julgue nas urnas.

Ver. Ronaldo C. Madruga

Maria disse...

É Ronaldo ou Ronaldinho, se eles tivessem feito a metade no que vc faz na Presidência na Câmara de Veredores pela população, nosso município seria outro. Tu causa, inveja pela competência e atitude.
Vai em frente.
Maria

Anônimo disse...

Votei no prof Rogério e não vejo nenhum problema em ele ter aceitado o convite. Existe liberdade ou não no PP? Pra mim ele vai ser sempre o mesmo tanto como professor como político.

Anônimo disse...

Se o Rogério tivesse se mantido simplesmente Progressista, não teria perdido parte do seu eleitorado, então seria o primeiro vereador do PP, e ainda, ajudando a colocar o segundo vereador, Ronaldo Madruga. E, numa combinação de legendas excluiria o quarto vereador do PSDB e, colocaria o "Maninho" como vereador do PMDB.

Luciano disse...

Eu não moro em PM há 10 anos, mas vou seguidamente a minha cidade e mantenho meu título de eleitor aí, pois quero ver essa cidade evoluir, o que não vejo. Em PM sempre foi assim,ou na maioria das vezes, se algo vem do governo a oposição vota contra e vice-versa, mas e a população? Aquela proposição não seria em benefício do povo? Antes de mais nada, não sou filiado e nem admiro algum partido, pois em PM sempre votei nas pessoas e não nas siglas. Será que o Rogério, de certa forma,resolveu trabalhar em benefício da cidade, colocando de lado as idiotíces das rivalidades político-partidárias? Será que os demais "políticos" pinheirenses também não poderiam seguir uma linha parecida, pois é necessário melhorar e muito nossa cidade, sei que milagres não ocorrerão, mas com inteligência, ética, UNIÃO e boa vontade PM pode mudar!

Anita Moura disse...

Desde que nasci acompanho e vivo a política, se não por um tio, ou avô, prefeito por quatro mandatos, pelo meu pai que foi vereador de nossa cidade. Tenho fascínio por essa arte.
Uso a mesma palavra citada por um anônimo anteriormente neste tópico: Vergonha. É o que eu sinto ao ler o comentário do mesmo, assim como vários outros. Vergonha por não fazerem a menor noção do que estão dizendo, por julgarem sem sequer conhecerem a história do Rogério Moura, seus princípios e diversas virtudes. Rogério sempre foi conhecido pelo homem bom e de altíssimo caráter que tem, pelo simples fato de optar fazer parte do governo atual que fomos nós que elegemos não se esqueçam disso, e que está em uma situação desfavorável, algumas pessoas acham-se no direito de discriminá-lo. Denominando jogo de interesses a sua atitude. Se fosse isso, teria ele escolhido outro partido para garantir sua cadeira na câmara nas últimas eleições, já que as chances não eram muito altas estando no PP. Mas em nome da tradição da família que há anos faz parte do partido conhecendo realmente suas raízes e pela concordância de ideais, Rogério optou pelo bom discernimento candidatando-se pelo PP, sendo um dos mais votados, mas não eleito. Pois bem, certamente o anônimo que disse que o Rogério não é nada inteligente, é uma pessoa que faz muito pelo município, um exemplo de cidadão. Porque só assim estaria qualificado a fazer tal comentário.
Ninguém sabe o que ele vai fazer ou como vai agir, e já fazem questão de expor repúdio e descontentamento.
Espero que entendam a complexidade da política. Não adianta chegar de “pára-quedas” e pensar que sabe tudo do assunto e vangloriar-se por fatos que nem foram conquistados individualmente. Chamar atenção, estar na televisão é legal, mas não é tudo. A câmara de vereadores atual de nossa cidade apresenta componentes que, segundo investigações, são acusados de crimes que vão contra a moralidade política.
Preconizar a igualdade social, transparência e o desenvolvimento da nação significam deixar Pinheiro Machado assim como está por que os partidos se divergem e esperar até próximas eleições? Acredito que, pelo contrário, signifique estar presente no momento crítico tentando colaborar para a melhora do município na hora em que ele mais precisa. E não abandonar os companheiros. Quem o faz, certamente pode abandonar o povo, qualquer hora.
A população é que faz a sua história. Se alguém está no poder é porque nós colocamos lá, cabe a nós escolhermos de maneira mais eficaz.
Abraços a todos os conterrâneos.

Anônimo disse...

Parabéns Anita!!! Gostei muito das tuas colocações, principalmente esse trecho: ¨Acredito que, pelo contrário, signifique estar presente no momento crítico tentando colaborar para a melhora do município na hora em que ele mais precisa. E não abandonar os companheiros. Quem o faz, certamente pode abandonar o povo, qualquer hora.¨ Acho que o professor Rogério é uma pessoa muito séria, inteligente e capaz o suficiente para saber o que está fazendo. É isso aí professor, siga em frente, acreditamos sim, em ti e em teu trabalho honesto! Parabéns!

Anônimo disse...

Que cabecinhas esses anônimos ai como eu, mas pelo menos vou tentar subir o nível político da minha cidade. Nada a ver. Rogério é um ótimo político, talvez por isso foi convidado, e de um partido ótimo com um presidente ótimo que veste a camiseta onde está, conselho, câmara, presidente de partido. É isso. Votem na pessoa e não no partido que ainda e infelizmente é uma realidade no Brasil. Abraços