14 de jul de 2015

Registro de algumas Ocorrências Policiais em Pinheiro Machado

Nesta semana, uma mulher registrou ocorrência na Delegacia de Policia de Pinheiro Machado informando que sua irmã, de 14 anos, disse que vem sendo violentada sexualmente pelo padrasto. A denunciante foi orientada a registrar o fato no Conselho Tutelar e fazer o exame de corpo de delito na vitima. 

A Brigada Militar de Pinheiro Machado abordou, no dia 3 de julho, um homem, de 35 anos, na Rua Gervásio Tavares. Na ocasião os policiais encontraram com o mesmo uma pedra semelhante ao crack. O homem admitiu ser usuário de droga e entregou a mesma como também mostrou seus documentos. 

Já no dia 4 de julho, a guarnição da BM encontrou, junto a um homem, de 38 anos, uma substância semelhante à cocaína. Ele estava próximo ao Corredor das Tropas, na ER 608, e transportava a droga dentro de uma lata de café. O acusado disse que a substância não era sua e sim de um homem que mora no Passo do Machado, no interior do município, e que estava levando a droga para o mesmo, pois temia tê-la em casa. 

O motorista V. B. L. comunicou à Guarnição da Brigada Militar que, no dia 8 de junho, por volta da meia-noite, trafegava pela estrada de Torrinhas, no interior de Pinheiro Machado, quando um veado campeiro se atravessou em frente de sua caminhonete - Fiat Strada, placas IVW 8026, e o veículo capotou. A vítima não teve lesões. O carro teve danos materiais. 

Um funcionário da Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE) informou à Polícia Civil de Pinheiro Machado que, no dia 7 de julho, ao inspecionar uma propriedade na Biboca, no interior de Pedras Altas constatou uma ligação clandestina de uma propriedade para outra. Ele disse que o mesmo tipo de furto foi verificado no mesmo local em março deste ano. 

No último dia 8, por volta das 13h30min, G. D. L. disse que estava na rua Dr. Arruda, em Pinheiro Machado, em frente a um consultório dentário, quando um indivíduo se aproximou e lhe perguntou que horas eram. A vítima relatou que, ao pegar o celular para dar tal informação, o indivíduo arrancou a bolsa de sua mão e saiu correndo. Além da bolsa, o assaltante furtou o celular e mais R$ 100 da vitima que registrou o caso na Delegacia de Polícia. 

A Polícia Civil de Pinheiro Machado registrou ocorrência de D. F. B., que comunicou que ao passar, na noite de 6 de junho, por volta das 20h30min, por uma de suas propriedades, no quilômetro 42 da estrada do Cerro Chato, interior do município, e viu que a casa estava iluminada. Ao chegar ao local, ele disse que a casa estava aberta. A vítima chamou a Brigada Militar que encontrou uma moto, YBR Factor, que foi abandonada, dois sacos, contendo produtos que pertenciam a casa, e a caixa de luz removida do local. 

Outro registro feito na Delegacia de Polícia de Pinheiro Machado, nesta semana, foi de F. G. P. Ele comunicou que sua propriedade, em Alegrias, na zona rural do município, foi invadida por vizinhos no dia 17 de junho e os mesmos continuam no local até o momento. Ele informou que, até então, a casa estava desabitada desde a morte de seu pai, em dezembro de 2014. O comunicante disse que havia animais no campo e a residência estava com todos os seus pertences. Ele relatou também que a casa foi invadida por um casal, que tem um filho. Segundo ele, os invasores disseram que somente deixarão o local por determinação do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). 

Por volta das 16h30min do dia 3 de julho, o motorista J. P. D. L. disse que desceu de seu caminhão par cinco minutos para fazer uma entrega em Pinheiro Machado, e não chaveou a porta do veículo. Quando retomou, notou que faltava R$ 800 e sua carteira, contendo todos os seus documentos. Ele comunicou o fato à Polícia Civil. 

E. S F. comunicou à Polícia Civil de Pinheiro Machado que, no dia 9 de julho, deu falta de 26 ovinos da propriedade, que fica na Biboca no interior do município. Também foi registrado na DP o furto de dois bois da propriedade de P. D. Z., situada em Pedras Altas. O fato ocorreu no dia 2 de julho. A vítima relatou que os animais foram levados vivos para o outro lado do Arroio Candiota. Conforme ele, 29 bovinos foram furtados da mesma forma de sua propriedade há cerca de um mês, sendo que 20 animais ele conseguiu recuperar. 

 E. J. F.L. registrou ocorrência na Delegacia de Polícia de Pinheiro Machado comunicando que estava no Clube Marajás, na madrugada de 5 de julho, e, por volta das 3h30mim, foi avisado pelos seguranças que seu veículo havia sido danificado. Ao verificar o automóvel, constatou que o para-brisa e o vidro da porta direita estavam quebrados e, no local, havia um tijolo. A vítima acusou uma pessoa de ser autora do fato. 

A primeira dama e secretária de Saúde de Pedras Altas, Adriana de Assis Brasil, comunicou à Polícia Civil de Pinheiro Machado que foi informada pela técnica em enfermagem, Mirian Franz, que foram furtadas seis ampolas de morfina e oito ampolas de dolantina da Policlínica Municipal de Pedras Altas, entre os dias 3 e 6 de julho. Segundo ela, esses medicamentos causam dependência química. 


Informações de divulgação da Policia Civil de Pinheiro Machado

0 comentários: