Últimas Notícias
Carregando...

Novamente a questão do lixo

Há algum tempo atras, abordei através de artigo publicado em jornal, a questão do lixo em nossa cidade. Pois bem, volto ao assunto pelo fato do mesmo ser um problema preocupante, uma vez que nossos bairros, ruas e terrenos baldios, cada vez mais, estão se tornando depósitos de lixo. Tomamos como exemplo, além de nossos bairros, o trecho da BR 293 entre os trevos de acesso a cidade. 

É incrível que, diante de tantos avanços tecnológicos e tanto conhecimento, ainda assim, existem pessoas que não tomaram consciência de que lixo em lugar inadequado é sinônimo de uma brutal demonstração de que carecem de educação e de responsabilidade. 

A questão do lixo já é um dos mais graves problemas enfrentados pelos governos, visto que tem aumentado em elevadas proporções. Não bastasse isso, o descarte em lugar impróprio tem causado sérios transtornos as cidades e bacias hidrográficas. Basta verificarmos as consequências causadas pelo lixo após altos índices pluviométricos, com ruas alagadas em decorrência do entupimento de escoadouros d'água, como bueiros, etc. 

O mais alarmante e que se tem noticia por fontes fidedignas que pessoas consideradas "educadas", "cheias de conhecimento" e "consciente dos problemas sociais", moradores do centro da cidade, descartam lixo em tais lugares. 

Normalmente se considera que as aparências dos passeios públicos, como praças e demais logradouros de uma cidade, revelem o quanto as pessoas são educadas para viverem em comunidade. Portanto, estamos dando uma péssima impressão as pessoas que por aqui passam. Existe uma expressão muito conhecida: "Povo educado, cidade limpa". 

Precisamos dar um basta a esta situação, para isto utilizando anúncios públicos como esses que poluem sonoramente o dia a dia da cidade, conclamando e chamando a atenção da população para esta relevante situação que requer uma solução, despertando novos procedimentos e uma tomada de consciência. Numa primeira impressão, parece-nos que o poder publico não está atento e vislumbrando o rumo que estamos tornando. A limpeza é uma questão de sande publica. 

Basta darmos uma volta pela cidade, para termos uma clara visão de nossa situação, das precárias condições, do aspecto degradante de nossa cidade. 

Será que ninguém se deu conta que esta situação denigre a imagem da cidade? É lamentável constatar a condição em que nos encontramos.

Escrito por Paulo Cesar Brum - Professor de Historia

Leia também:

0 comentários