4 de jan de 2017

Tumulto em penitenciária deixa um morto e três feridos em Charqueadas

 Um tumulto na Penitenciária Modulada de Charqueadas, no início da tarde desta terça-feira (3), deixou um detento morto e dois feridos. Um soldado também sofreu lesões no meio da confusão.
Segundo a Brigada Militar, o tumulto iniciou quando um grupo de presos tentou quebrar um muro que separava duas alas distintas, onde estão facções rivais. A Brigada Militar diz que os presos começaram a cavar um buraco na estrutura e o soldado que fazia a segurança do Módulo 4 ordenou que parassem.
Os presos, porém, fizeram uma fogueira para prejudicar a visão do PM e arremessaram pedras contra ele, de acordo com o comando da corporação. Ainda segundo o registro policial, o PM disparou munição não-letal contra os presos, mas a confusão não cessou.
Ainda de acordo com a BM, o soldado continuou sendo atacado. Ele disparou, atingindo um preso que morreu no local. Outros dois ficaram feridos, mas sem gravidade. Um foi atingido por um tiro na perna e outro no ombro por uma munição não-letal no braço, mas sem gravidade.
O soldado também teve lesões na cabeça e ombro, chegou a ser encaminhado para o Hospital de Charqueadas, mas já foi liberado.
Procurada pela RBS TV, a Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) informou que os presos foram atendidos na enfermaria do presídio e já estão nas celas.
"A guarda externa da Brigada Militar tentou evitar a fuga com disparos antimotim, os detentos com armas artesanais e pedras investiram contra a guarnição que efetuou disparos com munição letal, restando dois detentos feridos e um em óbito", explicou a Susepe em nota enviada à imprensa, que descartou ainda relação com rebeliões de outros estados.




0 comentários: