Últimas Notícias
Carregando...
,

Acusados de serem cúmplices por assaltos a bancos em Pedras Altas são presos

A equipe da Delegacia de Polícia de Pinheiro Machado e da Operação Fronteira prendeu, na terça-feira, Patrícia de Barros Martins, de 24 anos, e Vera Lúcia de Barros Martins, de 63. Elas possuíam mandado de prisão condenatória expedido pela Justiça. 

Ambas foram condenadas por participação em um assalto contra a agência do Sicredi, da cidade de Pedras Altas, em 2013. Após os tramites legais, as mulheres foram encaminhadas ao Presídio Regional de Bagé (PRB). 

Já na manhã de ontem, um homem identificado como Everton Luiz de Barros Martins, de 31 anos, que não foi localizado durante a ação, se apresentou na delegacia e também foi conduzido ao PRB. Ele também havia sido condenado por ser cúmplice no mesmo crime. 

Relembre 

O assalto a duas agências bancárias, em Pedras Altas, a cerca de 100 quilômetros de Bagé, foi realizado por quatro homens encapuzados, no dia 22 de abril de 2013. O fato mobilizou a Brigada Militar de Jaguarão, Pinheiro Machado, Bagé, Santa Maria, Pelotas e Pedras Altas. Além do Pelotão de Operações Especiais e do Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais da BM), de Porto Alegre. A Polícia Civil de Bagé também participou das operações. Os quatro criminosos chegaram ao município num Fox branco, com placas de Joinville/SC, e renderam o policial militar do posto local. Após, deslocaram-se até a agência bancária do Sicredi, onde renderam o guarda. Depois, atiraram na gerente e numa funcionária da agência, além de levá-la como refém. Em seguida, foram até o Banrisul e retornaram com funcionários. O grupo chegou a incendiar um veículo, antes de fugir numa viatura da BM com os cinco reféns. Dos assaltantes, pelo menos dois estão foragidos da justiça e um morreu em um tiroteio em Vera Cruz, no vale do Rio Pardo.

http://www.jornalfolhadosul.com.br/noticia/2017/02/25/acusados-de-serem-cumplices-por-assaltos-a-bancos-em-pedras-altas-sao-presos

Leia também:

0 comentários