Últimas Notícias
Carregando...
,

Confira a carta de renúncia do vice-prefeito de Pedras Altas

O vice-prefeito de Pedras Altas, Giovani José Friedrich (PT), renunciou na segunda-feira (6) ao mandato, após 65 dias de governo. Segundo Friedrich, os motivos do afastamento do cargo são de ordem pessoal e profissional. O petista diz que não conseguiu se doar como o planejado e revela que a situação do município não é nada boa. "A maior colaboração que eu podia dar a cidade é abrir mão do meu salário e renunciar. Vou voltar ao meu trabalho." 

O prefeito Luiz Perdomo (PSB), conhecido como Bebeto, continua à frente do paço municipal. O dia do chefe do Executivo está movimentado com reuniões no gabinete. Sem o vice, o presidente da Câmara de Vereadores de Pedras Altas, Mario Teixeira de Mello (PDT), deve assumir a prefeitura na ausência do prefeito. 

A coligação Pedras Altas - Mudar É Preciso (PSB/PDT/PT/PMDB) obteve 53.37% dos votos, um total de 935. O adversário no pleito, Silvio Marques Dias Filho (PSDB), contou com 46,63%, 118 votos a menos. 

Em ofício encaminhado à Câmara de Vereadores, Friedrich comunicou a renúncia e publicou carta na qual esclareceu os motivos que o levaram a tomar a decisão.? Falta de tempo para estar com a família, cuidar dos meus afazeres em empresa privada?, comunicou. Outra causa seria a atual conjuntura financeira do município. ?Gravíssima situação financeira e sucateamento que encontramos o nosso município decorrentes de erros bizarros cometidos em administrações anteriores que comprometem nossa arrecadação em mais de 54% somente com folha de pagamento?, explicou. 

O gestor ainda disse que sai frustrado, porém, de cabeça erguida e que a economia, gerada pela renúncia do cargo, aos cofres do município pode chegar a R$ 340 mil durante os três anos e dez meses de mandato restante. Ainda na carta, ele diz que agora será um conselheiro do prefeito. Por telefone, Friedrich disse que não esperava, durante a campanha, não conseguir conciliar os dois cargos, de gerente em uma empresa de água mineral e de vice-prefeito. ?Decidi fazer o que a minha consciência me mandou?, afirmou. 

Para o prefeito Luiz Perdomo (PSB), a decisão mostra que o agora ex-vice-prefeito é uma pessoa íntegra e séria. ?Parabenizo e aceito a decisão do Giovani?, comentou o prefeito. 

Relembre 

Não foi a primeira vez que Pedras Altas viveu uma renúncia no Poder Executivo do município. Em 2013 o então prefeito Gabriel de Lellis Júnior (PPL) renunciou e o então vice, Jair Luís Bellini (PT), assumiu. O petista, no entanto, teve o mandato cassado em primeira instância por captação ilícita de votos e prática de conduta vedada a agente público em campanha, por distribuir cascalho e serviços a produtores rurais durante o período eleitoral. A decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE RS) foi anunciada no dia 26 de novembro. 

Com o imbróglio, Pedras Altas teve uma nova eleição, realizada dia 6 de abril de 2014 e teve como vencedor o candidato Fábio Luiz (PSDB). O tucano recebeu 151 votos a mais que Giovane Pito (PT). Confira na íntegra a carta de renúncia de Friedrich: "A meu companheiro Bebeto, vereadores da base aliada, família, apoiadores de nossa campanha, eleitores e população no geral que elegeu a Coligação "Pedras Altas, Mudar é Preciso" agradeço ao apoio e confiança depositado em nós e garanto que esta mudança está acontecendo dia após dia, pela seriedade de todo o nosso grupo de trabalho e funcionários da prefeitura de Pedras Altas no geral, comunico a todos a minha decisão pessoal de RENUNCIAR ao cargo de vice prefeito pelos motivos que seguem: 

1º) Falta de tempo para estar com minha família, cuidar de meus afazeres em empresa privada do município a qual sou Gerente comercial desde 2009, nunca fui neste curto espaço de tempo e jamais aceitaria ser um vice decorativo somente para receber salários dos cofres públicos, pois como não sou um dependente da política e nem gosto de dinheiro fácil jamais me submeteria a isto, como não estou conseguindo conciliar ambas atribuições como eu pretendia teria que tomar uma decisão; 

2º) Gravíssima situação financeira e sucateamento que encontramos o nosso município decorrentes de erros bizarros cometidos em administrações anteriores que comprometem nossa arrecadação em mais de 54% somente com folha de pagamento; Ao grande companheiro Prefeito Bebeto e nossa equipe de secretários, coordenadores e demais servidores municipais, agradeço a confiança e apoio e desde já desejo toda a sorte para seguir o projeto que levamos a todas as casas de nosso município e que foi escolhido pela maioria, o projeto da verdade, da seriedade, sem oferecer emprego e falsas ilusões, mas dizendo sempre que seria muito difícil reerguer nosso município e que faríamos tudo sempre pensando no bem de nossas crianças, jovens, adultos e idosos sem olhar siglas partidárias, sabíamos das imensas dificuldades e da desordem que iríamos encontrar a nossa cidade e esse é o grande desafio, trabalhar com o funcionalismo público municipal sem pré julgar ou perseguir ninguém como aconteceu em anos anteriores e com certeza conseguimos isso, pois todos os funcionários que precisaram ser transferidos de setor foi para nos ajudar em outra área que achamos que poderiam render melhor, todos eles foram para funções melhores que exerciam anteriormente; 

Me orgulho muito de ter ajudado a compor uma equipe de funcionários públicos bem intencionados, todos do quadro de carreira efetivo do município, temos apenas 4ccs, "devemos ser o único município no Brasil nesta condição" (todos em funções técnicas e de vital importância), mas a realidade financeira atual é essa e isto é espantoso aos olhos dos que acham que política é para acomodar aos seus, isto é extremamente necessário pois Pedras Altas por ser basicamente agropecuário e a maior parte da população esta na zona rural, precisamos de estradas, saúde, educação, saneamento básico, mas o que víamos até então era o inchaço da máquina pública com emprego para os aliados; Recebemos um município completamente sucateado e com tudo por fazer, precisando ser reconstruído, temos que começar do zero e a hora é agora, dívidas com o funcionalismo público (horas extras, mudança de classe do magistério, planos de carreira de servidores em atraso). máquinas pesadas todas quebradas, caminhões nos tocos, frota da saúde sem condições de trafegar, funcionários sem EPI'S, prédios públicos deteriorados, escolas sem condições de funcionar a pleno, complexo esportivo destruído, demandas judiciais perdidas por falta de defesa dentro dos prazos, falta de pagamento de aproximadamente R$ 200.000,00 do asfalto das ruas de nossa pequena cidade por simples falta de planejamento; 

Saio frustrado, mas de cabeça erguida porque neste momento estarei ajudando a economizar em torno de R$ 85.000,00 ao ano e R$ 340.000,00 nos 4 anos de mandato do prefeito Bebeto, que apesar de à partir de hoje não fazer mais parte sendo tecnicamente ativo e estando diariamente auxiliando a resolver as demandas, será sempre este "O NOSSO GOVERNO", o governo de todas as pessoas que querem uma Pedras Altas melhor para seus filhos, o governo de inclusão das pessoas do interior que precisam sair do abandono que estão a vários anos, o governo onde nossa maior riqueza é a agropecuária e ela precisa de estradas para escoar a produção, por tudo isso, hoje a maior contribuição que posso dar é financeira que é ajudando a economizar meu próprio salário; Aos adversários peço que não façam como no passado recente onde apenas denunciavam e engessavam as ações de governo, pois com isso só quem perde e a comunidade e a nossa cidade querida, sejam parceiros do bem e ajudem a trazer o melhor para Pedras Altas antes que seja tarde; Seguirei a partir de agora a minha vida apenas como morador de nossa cidade, onde praticamente nasci e me criei desde os primeiros dias de vida, onde toda a minha família reside, serei agora apenas um conselheiro do Prefeito Bebeto sempre que ele precisar, mas seguirei meu rumo trabalhando em empresa privada no município e voltarei a administrar empresa de transportes municipais de propriedade de minha mãe, empresa que a 13 anos presta serviços dignos a população pedrasaltense; Aqueles que não agradei ou fui contra seus interesses pessoais, peço desculpas, mas reitero que nos 60 dias que estive em meu cargo dei o meu melhor, lutei sempre ao lado do Prefeito e equipe pelas pessoas que querem o melhor, usei da ética, honestidade, lealdade e zelo com o ente público, por isso recebemos sempre o respeito das pessoas na rua; 

Acho que contrariei apenas um servidor público, que por ter interesses obscuros sentiu-se ameaçado. Por fim, boa sorte Prefeito Bebeto, companheiro e amigo, população no geral, vereadores eleitos e funcionários públicos no geral "Vocês podem fazer a diferença, ajudando a administração à fazer diferente", Pedras Altas tenho certeza está em ótimas mãos, um grande abraço. 

Pedras Altas 06 de março de 2017 
Giovani José Londero Friedrich"


http://www.difusora1580.com.br/noticia_detalhes.php?id=5523

Leia também:

0 comentários