Últimas Notícias
Carregando...

Rematão 2015 registra incremento de 28% em relação a sua edição de 2014

O cair do martelo do leiloeiro rural, Luiz Fernando Simoni, às 22h de ontem (29/jan), encerrou o rematão da Feovelha 2015. O evento que teve início às 12h é considerado a melhor e maior oferta de ovinos do Brasil. Foram 4067 animais comercializados, totalizando 766,735 mil, uma média de 188 reais por animal. 

A raça Corriedale, apresentou o maior número de animais comercializados – 1.191 – a maior média foram para os animais da raça Border Leicester - 225 reais. Já os animais mais caros foram às borregas Texel ao valor de 360 reais. 

O remate apresentou uma excelente comercialização de cordeiras e borregas, o que indica a demanda por parte dos criadores de futuras matrizes para implantação, ampliação e manutenção de rebanhos. O número embora pareça menos expressivo comparado à edição anterior do remate, apresentou uma valorização de 28%, - 8% por cento a mais do que o percentual registrado nas demais feiras de ovinos de verão que antecederam a Feovelha. 

O presidente do Sindicato Rural, Rossano Lazzarotto destacou o importante crescimento do setor com a valorização expressiva dos animais comercializados. “- O resultado até o momento das comercializações da 31ª edição da Feovelha vem ao encontro com a dedicação, trabalho e prestígio do evento, estamos satisfeitos”, enfatizou.

Leia também:

0 comentários