Últimas Notícias
Carregando...
,

Executivo dá suas explicações sobre obras paradas

Na semana passada “bombou” na rede social fotos tiradas pelos pinheirenses de placas informando que determinada obra está sendo construída, mas na verdade, algumas nem se quer iniciaram. Assim, até uma reportagem extensa foi publicada no Jornal Tribuna do Pampa sobre o fato, e por isso divulgo aqui algumas explicações do Executivo Municipal com referência as três obras. 

SOBRE A CRECHE ZONA NORTE 
A obra foi licitada pelo ministério da educação (MEC) mas e empresa vencedora fez apenas o canteiro de obras e declarou falência. Agora o ministério da educação estuda o caso a fim de liberar um recurso para que o município faça todo processo de licitação. 

SOBRE A UBS ZONA NORTE 
O recurso disponível não é suficiente para a execução da obra e, diante disso, o município não fez ainda o empreendimento. Um novo calculo foi feito, e o valor é inviável, pois o município teria de dar de contrapartida R$ 150 mil. O recurso federal, através do ministério da saúde, é de R$ 400 mil e apenas uma parcela deste valor foi depositada. 

SOBRE A ACADEMIA AO AR LIVRE 
A administração confirma que a obra está em andamento. O atraso é questão da mão-de-obra, pois são poucos pedreiros para atender toda demanda do município. O investimento é de R$ 80 mil, e este valor é apenas para compra dos equipamentos. Em contrapartida a mão-de-obra é do município. A expectativa do prefeito Felipe da Feira é concluir a obra até o final do seu mandato.

Leia também:

0 comentários