Últimas Notícias
Carregando...
, ,

Feovelha 2017 encerra seus negócios com valorização de 30% na média geral dos animais

Encerraram neste sábado (28), os remates da Feovelha 2017, a maior feira de ovinos do Brasil, com faturamento total de R$ 570.165,00 e 1.405 animais vendidos. A média geral por animal foi de R$ 405,81 com uma valorização de 30% em relação a média de 2016, que foi de RS 312,28. 

Em 2016, foram comercializados 50% a mais no numero de animais. O evento superou de forma positiva nas médias finais. “O evento é tradicional e por isso, tem a sua valorização natural todos os anos. Outros eventos de ovinos de verão finalizaram com queda significativa tanto no número de animais comercializados quanto em suas médias. A Feovelha mais uma vez se consagrou como a melhor opção para os criadores realizarem bons negócios”, diz o presidente do Sindicato Rural de Pinheiro Machado, Gabriel Camacho.

Veja abaixo o comparativo com as demais edições:

Feovelha edição : 2017 – XXXIII
Número de animais comercializados: 1405 (1331 animais a menos)
Total em comercialização: R$ 570.165,00 (50% a menos que 2016)

Feovelha edição : 2016 – XXXII
Número de animais comercializados: 2736 (1708 animais a menos)
Total em comercialização: R$ 854.425,00 (53% a menos que 2015)

Feovelha edição: 2015 - XXXI
Número de animais comercializados: 4.444 (3521 animais a menos)
Total em comercialização: R$ 1.303.360.00 (um acréscimo de mais de 45% nas médias gerais)

Feovelha edição: 2014 - XXX
Número de animais comercializados: 7965 (2140 animais a mais)
Total em comercialização: R$ 1.663.615,00 (um acrésimo de mais de 8%)

Feovelha edição: 2013 - XXIX
Número de animais comercializados: 5825 (1639 animais a mais)
Total em comercialização: R$ 1.546.501,00 (um acrésimo de mais de 33%) 

Feovelha edição: 2012 - XXVIII
Número de animais comercializados: 4.186 (1735 animais a menos)
Total em comercialização: R$ 1.154.729,00 

Luciara Schneid
MTB 7540 - Assessoria de Imprensa Laruê Agência
Jornal Tradição Regional (O Jornal Oficial da XXXIII Edição da Feovelha)

Leia também:

0 comentários