sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Recesso nas Postagens

Amigos Leitores...

Devido os Festejos Farroupilhas, o Blog volta a normalidade com relação as postagens apenas na Segunda-feira (22). Portanto neste sábado e domingo não haverá publicações na página.

Obrigado pela compreensão de todos.

20 de Setembro - Festejos Farroupilha

O 20 de Setembro é a data máxima para os gaúchos. Neste dia celebram-se os ideais da Revolução Farroupilha, que tinha como objetivo propor melhores condições econômicas ao Rio Grande do Sul. 

A Revolução Farroupilha é o mito fundante da cultura gaúcha. É a partir dela que se estabelece toda a identidade do povo gaúcho, com suas tradições e seus ideais de liberdade e igualdade. Hoje a cultura gaúcha é reverenciada não só no estado, mas no país e no mundo, através dos milhares de CTGs (Centro de Cultura Gaúcha) espalhadas por todos os cantos. E a cada 20 de Setembro, o gaúcho reafirma o orgulho de suas origens e o amor por sua terra. Desejamos bons Festejos aos Gaúchos!

Projeto do Nesol presta consultoria à associação de reciclagem em Pinheiro Machado

Nos dias 18 e 30 de agosto, um encontro possibilitou o convite da equipe executora do projeto de extensão “Formação em economia solidária e educação ambiental para catadores cooperativados, associados ou independentes e seus familiares”, aos associados e parceiros da Associação Pinheirense Reciclando para Viver, para participar de atividades de formação nos temas meio ambiente e economia solidária. Na ocasião, esteve presente o chefe do Departamento de Meio Ambiente de Pinheiro Machado, Rissieli Alves de Oliveira.

Considerando a emergência governamental de implantação da coleta seletiva nos municípios, a equipe executora do projeto, que é desenvolvido através do Núcleo de Economia Solidária do campus Pelotas (Nesol) e fomentado pelo IFSul Rio-Grandense, pretende auxiliar o coletivo da associação em questões relacionadas à reciclagem, compostagem, matemática, autogestão, relacionamento no trabalho e uso de equipamentos de proteção.

Na oportunidade foi aberto um espaço para a discussão de temas como a metodologia e alguns detalhes sobre as oficinas propostas, que foram recebidas com interesse pelo coletivo. 

A associação 
Formada por 12 pessoas em situação de vulnerabilidade econômica e social, a Associação Pinheirense Reciclando para Viver é voltada para triagem de materiais recicláveis e outros serviços. Sua proposta de trabalho vai de encontro com as exigências estabelecidas na Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei nº 12.305/2010), que tem como instrumentos, o incentivo às associações de catadores de materiais reutilizáveis e recicláveis e a obrigatoriedade da instituição de programas de coleta seletiva nos municípios brasileiros.

Fonte: http://www.pelotas.ifsul.edu.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=1048:projeto-do-nesol-presta-consultoria-a-associacao-de-reciclagem-em-pinheiro-machado&catid=4:noticias

O fatídico Combate dos Porongos

Em época de finalizações do Tratado de Paz, que acabaria com a guerra entre os revolucionários do Rio Grande do Sul e a Monarquia do Império Brasileiro, o Combate dos Porongos ficaria para a eternidade marcado como um dos mais sangrentos de todos, e causaria um dos debates mais ferrenhos entre historiadores e pesquisadores da história da Revolução Farroupilha. 

Na madrugada do dia 14 de novembro de 1844, no Cerro dos Porongos, em Piratini (atual município de Pinheiro Machado), as tropas imperiais comandadas pelo impetuoso Francisco Pedro de Abreu, o Moringue, fariam um ataque fulminante contra as forças revolucionárias de Davi Canabarro, e principalmente, sobre o Corpo de Lanceiros Negros, sob ordens do coronel Joaquim Teixeira Nunes, o Gavião. 

A vitória dos monarquistas foi incontestável, pois com pouquíssimas baixas, conseguiram exterminar dezenas de farrapos. Os lanceiros negros, que portavam apenas armas brancas, foram estraçalhados pelos legalistas. Este ficaria marcado como um dos combates mais trágicos de toda a revolução, onde estima-se que mais de 300 lanceiros negros tenham morrido. E ainda, tenha sido ferido e vindo a óbito, dias mais tarde, o valoroso coronel Teixeira Nunes, um dos grandes comandantes das tropas. 

Davi Canabarro, o general que comandava as tropas, foi um dos únicos que conseguiu fugir ileso do ataque de Moringue. A partir daí, boatos, até hoje divergidos, dão conta de que Canabarro tenha traído seus próprios soldados. 

Esta alegação foi feita, após ser apresentada uma carta enviada pelo comandante em chefe e presidente da província, Luiz Alves de Lima e Silva, o famigerado Barão de Caxias, ao Moringue, informando a data, local e hora do ataque. O documento dava a entender que Canabarro tinha feito um acordo com Caxias, entregando seus próprios homens, uma vez que a alforria dos escravos era um dos principais pontos de entrave para que fosse assinado o tratado de paz. 

Alguns historiadores famosos defendem a tese de que o general farroupilha teria desarmado as tropas, sob alegação de que a guerra teria acabado, premeditando a emboscada contra os escravos negros. 

No entanto, há outra versão a ser externada, que fala da falsificação desta carta, para denegrir a imagem de Canabarro perante aos demais líderes farrapos, pois ele, como chefe em armas da República Rio Grandense, era a grande esperança de vitória para os republicanos. 

Até hoje a polêmica envolvendo o general paira sobre o Rio Grande. Seria ele um traidor que entregou seus próprios subordinados, ou apenas mais um a ser caluniado pelo Império para extinguir o movimento separatista do Rio Grande do Sul?  

Redator: Tradição Regional

Ordem do Desfile dos Cavalarianos de Pinheiro Machado/2014

Pinheiro Machado recebeu na quarta-feira, dia 10 de Setembro, a Chama Crioula. Na oportunidade o grupo de mais de 30 cavaleiros liderados pelos Tradicionalistas José Delmar Pinheiro e Gerson Farias, percorreram mais de 100 km desde a cidade de Herval, de onde partiram com a centelha da Chama Crioula no domingo dia 7 de Setembro. 

Um grande público esteve na Praça Central da cidade prestigiando a chegada deste importante símbolo, que está em lugar de destaque no Galpão de Rondas do Centro Cacimbinhense de Tradições Gaúchas Lila Alves, até amanhã, sábado ( 20), quando será extinto com o encerramento das festividades. 

DISPONIBILIZAMOS AQUI A ORDEM DO DESFILE DOS CAVALARIANOS DE 2014: 

O Desfile temático farroupilha de Pinheiro Machado acontece no dia 20 de setembro, a partir das 10hs,tendo como palco, a Praça Central da cidade na seguinte ordem: 

Piquetes com Temas: Lila Alves, Querência, Do Pago, Do Xirú e Rafael Pinto Bandeira. 

Piquetes sem temas: Tropeiros de cacimbinhas, A Moda Antiga, Alma Crioula, Herança do Passado, Guardiões da Olaria, Tchê Guris, Pampa e Fronteira, Curral de Pedras, Tradição, Redomão, Palanque da Tradição, Lanceiros do Porongos, Arranca Macega, Posteiros de Cacimbinhas, Dos Farias, Gaudérios de Torrinhas e Pioneiro.

Município adere ao Programa Caminho da Escola

Projeto permitirá ao município efetuar financiamento para aquisição de ônibus para o transporte escolar. 

Na manhã desta sexta (19) os vereadores de Pinheiro Machado se reuniram extraordinariamente, às 9hs, para apreciação do Projeto de Lei 53/2014, de autoria do Executivo. 

Foi aprovado em plenário projeto de lei que autoriza o Poder Executivo a contratar financiamento junto ao Banco do Brasil S/A, até o valor de R$ 1.100.000,00 para as operações de crédito do Programa Caminho da Escola. 

Os recursos serão obrigatoriamente aplicados na aquisição de ônibus, para transporte escolar, prioritariamente, da zona rural, no âmbito do Programa Caminho da Escola.

Prefeitura encaminha à Câmara o projeto da LDO de 2015

No inicio deste mês, a Prefeitura de Pinheiro Machado protocolou, na Secretaria do Poder Legislativo, o Projeto de Lei nº 50, de 8 de setembro de 2014, que “Dispõe sobre as Diretrizes Orçamentárias para o Exercício Financeiro de 2015 e dá outras providências.” 

Agora o projeto está em analise e após o parecer das comissões será levado a plenário para votação. 

A LDO, como é mais conhecida, estabelece as diretrizes, metas e prioridades que devem ser cumpridas na elaboração da Lei Orçamentária Anual (LOA) do próximo ano. Dispõe ainda sobre a execução dos orçamentos municipais, as despesas com pessoal e encargos sociais, dívida pública e metas fiscais para os próximos três anos.

Dia de Campo em Pinheiro Machado

O Projeto Juntos Para Competir realiza no próximo dia 23 um dia de campo no município de Pinheiro Machado.O evento, que inicia às 13 horas na propriedade rural de Edemar Peçanha vai apresentar atitudes para a melhoria de resultados produtivos e econômicos nos campos da encosta da serra do sudeste. 

Serão apresentados os primeiros resultados referente ao primeiro ano de trabalho desta propriedade. Entrada para o dia de campo no km 95 da BR 293 estrada Pelotas - Bagé - Entrada a esquerda de quem vai de pelotas e direita de que vem de Pinheiro Machado. Após a entrada haverá indicações por placas. Localidade Serra das Asperezas.

Invernada Piazitos do Rio Grande participa de comemorações da Semana Farroupilha no Colégio Hipólito Ribeiro

Na tarde de quinta (18), em comemoração à Semana Farroupilha, a Invernada de Dança Piazitos do Rio Grande se apresentou na quadra aberta do Colégio Estadual Hipólito Ribeiro. 

A invernada fez bonito, como sempre, apresentando seu repertório de danças tradicionalistas que emocionaram a comunidade estudantil que esteve presente no evento. 

“Nossos alunos, e também alguns de escolas municipais, demonstraram, mais uma vez seu apego e amor às tradições do Rio Grande do Sul. Agradecemos a disponibilidade do grupo para abrilhantar nossa programação farroupilha” disse Sandro Rosa, Diretor da Escola. 

MERENDA CAMPEIRA 
Nesta semana, o Colégio programou merendas especiais para os alunos, denominada Merenda Campeira, onde os alunos puderam apreciar o tradicional feijão com charque, arroz carreteiro e saladas variadas, mandioca e pão.

Acidentes na Avenida Protásio Alves podem ser evitados

Divulgação/Pinheironline.blogspot.com
Na avenida Protásio Alves existem diversos pontos em que se faz necessário a criação de rótulas, ou outros meios, para que se faça a redução de velocidade dos veículos que por ela trafegam. Pontualmente, na esquina da Rodoviária, na esquina do Super Sul e também na esquina dos Balinhas ( aqui já existe uma rótula, mas muito pequena) necessitam de redutores de velocidade. 

Podemos citar aqui, o trágico acidente que ceifou a vida de um empresário recentemente na Avenida Protásio Alves. Contam que se houvesse redutor de velocidade no prolongamento da avenida, o mesmo teria sido evitado. 

No meio desta semana, mais um acidente foi registrado na zona urbana do município. Desta vez próximo à Rodoviária (cruzamento com Av. Protásio Alves), quando uma camionete strada acabou se colidindo contra uma moto. O motociclista teve lesões na perna e na cabeça. O mesmo foi encaminhado para o PS, e após exames foi liberado. 

Já está na hora de nossas autoridades tomarem medidas visando à uma maior segurança nesta avenida.

Resultado da Promoção de Ingressos - Show Banda RPM

O ganhador do Par de Ingressos para curtir a Banda RPM, em Pelotas no dia 27/09, foi: 

BRUNO BARÃO RODRIGUES


Cabe destacar que esta promoção foi uma parceria com o JORNAL TRADIÇÃO REGIONAL. 
Para participar do sorteio era simples: 
Bastava COMENTAR na postagem da promoção NOME e SOBRENOME

O vencedor deve procurar o Maicon Leon para retirar os ingressos. Mais informações através do telefone (53) 9149.1819. 

ASSINE O JORNAL TRADIÇÃO 
Assine o Jornal Tradição Regional e receba todas as semanas as principais notícias da Zona Sul do Estado, os destaques e as potencialidades dos municípios da região sul (Arroio do Padre, Canguçu, Capão do Leão, Cerrito, Jaguarão, Morro Redondo, Pedro Osório, Pelotas, Pinheiro Machado, Piratini, São Lourenço do Sul e Turuçu). 

Confira as modalidades de assinaturas. 
Trimestral (Assinatura por três meses). R$ 27,00 
Semestral (Assinatura válida por seis meses). R$ 54,00 
Anual (Assinatura por 12 meses). R$ 108,00 

O Jornal Tradição Regional atua como veículo de comunicação de massa, informando de maneira clara, objetiva e concisa os mais variados segmentos da nossa região e divulgando as potencialidades da comunidade. 

O Tradição Regional tem como objetivo compreender, resgatar e desenvolver nossa história, cultura e valores. Enfim, criando uma alternativa de conhecimento socioeconômico, político e social.

André Kisuco participou de audiência que tratou sobre a reciclagem de Pneus

Na quarta (17) pela manhã, o vereador socialista André Kisuco participou de audiência com o Chefe do Departamento de Meio Ambiente do município, Rissieli Alves. A mesma tratou sobre a reciclagem de Pneus. 

O projeto elaborado pelo Departamento visa ser referência na região, contemplando 48 municípios e cerca de 2,2 milhões de pessoas. 

“O mundo está se voltando à questão ambiental. Para que este planeta continue sendo bom para vivermos, depende de nós. Não há custo em tentar, mesmo que não de certo pelo menos vamos tentar”, disse André.

Cideja verifica demandas em audiência com a SDR

Felipe da Feira, Prefeito de Pinheiro Machado, se fez presente na audiência
O diretor do Departamento do Desenvolvimento Agrário da Secretaria de Desenvolvimento Rural (DDA/SDR) Jaime Martini, coordenou, na quarta-feira (17), uma reunião com os representantes do Consórcio Público Intermunicipal de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental dos Municípios da Bacia do Rio Jaguarão (Cideja). Na avaliação de Martini, a reunião foi satisfatória: "Foram dados os informes a respeito das demandas apresentadas e a avaliação do debate é positiva", destacou. 

Em pauta, esteve o andamento das obras referentes à ponte do Rio Jaguarão, que beneficiará diretamente Candiota, Hulha Negra e Aceguá - três dos sete municípios que formam o Cideja. A SDR em parceria com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) está investindo R$ 1.4 milhão na execução da obra, que atenderá uma reivindicação histórica da região. Ainda segundo Martini, o recurso está em análise final pela Caixa Econômica Federal. 

Outras duas demandas foram apresentadas pelo Consórcio à SDR. Uma delas diz respeito à execução do programa Água para Todos nos assentamentos das cidades atendidas pelo Cideja. "Neste caso, há três situações na região: há projetos contratados e com recursos em execução, outros já licitados e ainda temos projetos aguardando a autorização do Ministério da Integração Nacional (Min) para iniciar o processo de licitação", explicou Martini. O programa, operacionalizado pelo DDA/SDR, promove a universalização do acesso à água para consumo alimentar das famílias em situação de vulnerabilidade social, que vivem em comunidades rurais. 

Por último, os municípios solicitaram um apoio do Governo do Estado para o investimento em recuperação de estradas da região. A possibilidade de auxílio será avaliada dentro do orçamento atual. Fazem parte do Cideja as localidades de Aceguá, Hulha Negra, Pedras Altas, Piratini, Herval, Candiota e Pinheiro Machado.

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Executivo encaminha Projeto que visa criação de Gratificações de Funções no quadro

Mesmo com tamanha crise vivenciada pela Prefeitura Municipal de Pinheiro Machado, o prefeito Felipe da Feira encaminhou nesta semana para a Casa Legislativa mais um projeto que visa gastos nos cofres da prefeitura. 

O Projeto nº 52/2014 visa à criação de Gratificações de Funções – GF. Estas gratificações por funções serão concedidas sempre que as novas atribuições não se confundam com as do cargo de provimento efetivo e não possam ser exercidas por direção, chefia e assessoramento. 

Se o Projeto for aprovado ficará instituído os seguintes vencimentos: GF1- R$347,49; GF2- R$421,87 e GF3- R$656,02. 

Portanto, confira abaixo os beneficiados com a aprovação do Projeto: 

Padrão GF3: Motorista do Gabinete do Prefeito, Encarregado da Tesouraria Municipal e Setor Previdenciário;

Padrão GF1: Encarregado da Junta de Alistamento de Serviço Militar;

Padrão GF 2: Departamento de Transito; 

Cabe destacar que o desempenho da gratificação por função é privativo do Servidor Público Municipal efetivo. Aplicando-se aos servidores cedidos por Órgãos Públicos Federais, Estaduais e Municipais. Ficando vedado o pagamento de horas extraordinárias aos detentores de gratificação por função.

Sessão Magna Branca foi realizada na segunda (15)

A revolução Farroupilha é sem duvidas um dos motivos de maior orgulho do povo Gaúcho. Mais ainda para os Maçons e para a Instituição Maçônica, pois, a Maçonaria através do ideal regido pela tríade: Liberdade, Igualdade e Fraternidade, tem tido um papel preponderante na epopéia da evolução dos povos do universo sem fronteiras e, em particular, uma afinidade e uma participação efetiva no ideário da "Revolução Farroupilha". 

Na Bandeira do nosso Estado e no Hino Riograndense estão cravados os ideários da Instituição maçônica que, servem no presente de culto ao passado e de alicerce ao futuro. Pois, "povo que não tem virtude acaba virando escravo". 

Por isto que geralmente na semana farroupilha, as Lojas Maçônicas celebram festividades que rendem homenagem aos Irmãos do passado que, pelas suas façanhas de bravura e de visão libertária lutaram bravamente pela justa causa do ideal iluminista. Tornando-se, assim, os protagonistas de uma história que orgulha a todos. 


Assim, neste ano foi realizada na segunda-feira (15), no templo da Loja Maçônica Luz e Ordem, a tradicional Sessão Magna Branca que celebra as Comemorações Farroupilhas. A sessão teve como palestrante o Senhor Pery Silveira.

Atendimento Nutricional em Pinheiro Machado neste sábado (20)

Precisando de Nutricionista? 
Então aproveite uma promoção especial e agende consulta! 

Neste sábado terá atendimento nutricional em Pinheiro Machado durante todo dia, na Academia Boa Forma. 

Agende sua consulta pelos telefones:
9962.1307 - 9161.2921 - 9145.7554. 

Atendimento por diversos convênios e particular. 
Descontos para alunos da Academia Boa Forma.

Segunda Edição do Rodeio Internacional de Pinheiro Machado

Depois do grande sucesso da primeira edição, o Rodeio Internacional de Pinheiro Machado, que se posiciona como o maior rodeio do Estado do Rio Grande do Sul terá neste ano, entre os dias 16 e 19 de outubro, 3 carros 0km e 2 motos 0km de premiação nas provas de Gineteada, Tiro de Laço, e Potro de 21 dias. 

Conforme os organizadores, o evento será dotado de completa infraestrutura para receber os visitantes do Rodeio Internacional, que será a Copa do Mundo das Gineteadas, pois além das premiação de peso, estarão presentes as melhores Tropilhas do Estado e Ginetes profissionais ganhadores dos maiores Rodeios do Estado e do Mercosul. 

Além disso, o evento contará com apresentações artísticas, Shows, Exposição da Indústria e Comércio e Praça de Alimentação, compondo um cenário perfeito, capaz de atrair e satisfazer este grandioso público que aprecia a Cultura Gaúcha. Listamos aqui algumas das atrações que farão parte do evento: Lucas e Felipe, Luiz Marenco, César Oliveira e Rogério Melo, Henry e banda, Euseiki tudanssa, Aihpod, Jefferson e Maicom. 


O 1º PEGA DE POTROS de 21 dias do 2º Rodeio Internacional será realizado na quinta-feira, 16 de Outubro de 2014, com início às 8h30min.

Já a REVISÃO DOS POTROS será feita nos dias 21, 22, 23 e 24 de Setembro.

PREMIAÇÃO: 
1º LUGAR - UM CARRO ZERO KL 
2º LUGAR - R$1000,00 
3º LUGAR - R$500,00 - 

JURADOS:
EDUARDO NETO DE AZEVEDO 
FABIO TEIXEIRA DA SILVEIRA
Maiores Informações com Alexandre Pinheiro pelo número: (53) 9948.6210.

Fundo pretende investir US$ 220 milhões em biomassa

Florestas em ponto de corte serão convertidas em pellets
Com aporte de investidores externos, empresa mineira planeja beneficiar eucalipto, acácia e pinus na Metade Sul

Uma área de aproximadamente 90 mil hectares de eucalipto, acácia e pinus em ponto de corte se estende pela Metade Sul do Estado. São zonas de produção independentes, fora do eixo compreendido pelo extinto Projeto Losango, cujos ativos foram vendidos em 2012 pela Fibria para a CMPC Celulose Riograndense. 

Motivados pelas oportunidades da época, quando a Votorantim Celulose (hoje Fibria) planejava um investimento bilionário na região, centenas de produtores locais investiram no cultivo de florestas, na esperança de bons negócios com a empresa. Por uma questão estratégica, no entanto, a companhia desistiu de implantar uma fábrica de celulose na região, levando incertezas a quem apostou no cultivo de florestas. Agora, um projeto no valor de US$ 220 milhões traz novas esperanças aos produtores. 

A empresa mineira Finagro, com apoio de um fundo internacional de investimento, escolheu o município de Pinheiro Machado para a construção de uma fábrica de pellets. A estimativa é de que produza 600 mil toneladas ao ano do biocombustível - grânulos elaborados com resíduos de madeira. A unidade pretende ainda gerar 50 mil watts de energia elétrica por ano e, em um estágio futuro, implementar a produção de etanol celulósico à base de casca de arroz. Para sair do papel, o projeto aguarda ainda a licença ambiental. 

De acordo com o presidente da Finagro, Afonso Bertucci, a primeira etapa vai consumir em torno de 35 mil hectares de florestas. Pequenos e médios produtores da região serão os responsáveis pelo fornecimento da matéria-prima. O empresário salientou a grande disponibilidade das áreas florestais da região como o propulsor do projeto. 

O secretário municipal de Agropecuária de Pinheiro Machado, Adelino dos Santos, aponta que a decisão foi tomada também pela vantagem logística do município em relação a outros da região. “É uma escolha técnica pelo custo-benefício”, disse. O município de 13 mil habitantes fica próximo à ferrovia que dá acesso ao porto do Rio Grande, de onde partirá a produção, com destino à Europa - Alemanha em especial. “A energia do pellet é mais barata, e os governos europeus vêm forçando as empresas a substituir carvão mineral por fontes renováveis”, ressalta Bertucci. 

Responsável pela elaboração e execução do projeto, a Finagro comunicou à administração do município que o fundo internacional deu aval para o aporte financeiro e aguarda apenas as concessões de licenciamento ambiental e a definição de um terminal no porto gaúcho. A fábrica ocuparia uma área localizada a 8 quilômetros do município, próxima a uma floresta de 30 mil hectares pertencente à CMPC, segundo informações da prefeitura de Pinheiro Machado. A Finagro, no entanto, negou qualquer negociação com a empresa, responsável por outros 100 mil hectares de área de plantio na região. 

Técnicos trabalham na formulação do estudo de impacto ambiental que será encaminhado à Fepam. A resposta está prevista para maio do ano que vem e, em caso de sinal positivo, os trabalhos começam já no início do segundo semestre. O empreendimento geraria 1,5 mil empregos temporários para trabalhadores da construção civil e, posteriormente, 200 empregos diretos e outros 600 indiretos. “Será a galinha dos ovos de ouro da cidade”, destaca Santos. 

Com o início das operações previsto para 2017, a dúvida é a manutenção da produção atual, boa parte já em ponto de corte. “É uma incógnita”, diz o presidente do Sindicato de Trabalhadores Rurais da cidade, Mateus Garcia. “Está tudo parado. Sofremos há mais de três anos com a inatividade. A plantação está pronta, não está havendo corte e, consequentemente, não está gerando recursos para o município.”

Registros do Vereador Jaime Lucas (PMDB) na sessão ordinária de terça (16)

Por assessoria do PMDB 

A assessoria do Vereador Jaime Lucas foi procurada esta semana com mais pedidos de ajuda, segundo a comunidade, Jaime é um dos poucos Vereadores que ainda é atendido em seus pedidos. Os moradores das ruas próximas a Rodoviária estão sem telefone há semanas, sendo que este não é o principal problema e sim dos risco que os mesmos estão correndo com os fios que estão caídos, por toda rua, sendo que em certas residências os moradores não conseguem se quer colocar seus carros na garagem pois os fios estão arrastando ao chão, podendo com isso ocorrer um acidente grave. As fotos registram o descaso com estes moradores.
E na rua Israel Azambuja, em frente a loja Pinheirense, a mais de três semanas possui um vazamento de agua, próximo a calçada, e a preocupação dos moradores é de quanta agua já foi lançada fora, pois moradores do local já pediram providencias e até agora ninguém apareceu se quer para olhar o vazamento.
HOMENAGEM DO VEREADOR JAIME LUCAS 
PARA TODOS OS TRADICIONALISTAS

Noutros Tempos

(Otávio Geraldo Reichert)

Noutros tempos… A história não se escrevia.
Em prosas se repetia perpassando gerações.
Grandiosas tribos, nações, na liberdade da pampa,
mateavam a verde estampa de geografias sulinas.
Corriam matas, campinas, vagueavam rios e oceano,
quando o estrangeiro aragano içou velas matutinas.
Noutros tempos… O tapuio surpreendido,
ouviu relinchos, mugidos, ecoando pelo varzedo.
Nas reduções, em segredo, índia e branco se espelharam.
Os jesuítas batizaram a china e mozo gaudério.
O sul se tornou império; a bombacha fez querência.
Gaúcho se fez essência com resquícios de mistério.
Noutros tempos… Foi cabaça e taquapi.
Do berçário Guarani foi herdado o chimarrão.
Costela em fogo de chão; o charque feito em varais.
Muitas vendas junto ao cais onde aportavam imigrantes.
Tropeiros e bandeirantes riscando o mapa da história.
Fez-se a linha divisória mesclando sangue e semblantes.
Noutros tempos… Fizeram revolução.
Firmeza e proposição estampadas na bandeira.
Criaram hino em trincheiras com horizontes de ternura.
Origens, lutas, cultura! As auras fortalecidas…
Fez mulheres aguerridas e homens de estirpe guapa.
Reminiscência farrapa repontando as nossas vidas.
Noutros tempos… Foi a bota de garrão.
Chiripá no cinturão respaldando a boleadeira.
O ponche, raiz campeira, que aparou golpes de faca.
O gaúcho crava estacas defendendo seu torrão.
Tem nas lides de galpão, nas prosas volteando o mate,
O legado dos embates falquejando a tradição.
Noutros tempos… Negrinho do pastoreio!
Quem do sul, ou faz rodeios, traz cambona na algibeira.
De primitiva e lindeira a pátria se fez retrato.
Chimangos e maragatos com seus tinos libertários.
Somos jovens legendários! Na Semana Farroupilha,
com viola que se dedilha, … Rio Grande refaz cenários.
 

Rogério Rocha encanta crianças da Escola Avelino de Assis Brasil

“A magia no olhar infantil vem da maneira com que as crianças se movem entre mundos reais e mágicos, sem perceber a diferença.” (Arundhati Roy) 

Acreditando na importância de despertar nas crianças o gosto pela leitura e na necessidade de trazer a ludicidade para a prática pedagógica, na quarta-feira (17), a equipe diretiva da Escola Avelino de Assis Brasil presenteou as crianças com a visita do contador de histórias Rogério Rocha, que encantou à todos com a história: As aventuras do avião vermelho, de Érico Veríssimo. 

O Avião Vermelho fala de um garoto chamado Fernando, que vive preso em casa, estudando no quarto. Ao brincar, o menino fica pequeno, entra no seu avião e sai voando pela janela. Fernando conhece a lua, viaja pelo mundo todo e vive muitas aventuras. Durante sua apresentação, Rogério interpreta todos os personagens da história usando diversos adereços como chapéus, capas e tocas, e, principalmente, seu aviãozinho vermelho de madeira.

Num clima de descontração e alegria, professores e alunos interagiram e se divertiram, soltando a imaginação e embarcando junto com o personagem Fernando em uma belíssima aventura. 

“Estamos investindo em projetos que incentivem o lúdico, a fim de oferecer para nossos educandos uma aprendizagem prazerosa e significativa, tornando a escola um ambiente agradável e propício à construção de aprendizagens”, salientou a diretora Jaqueline.